Nosso propósito é
transformar vidas
pelo conhecimento

Desligue os hormônios do estresse

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Desligar os hormônios, como assim? É que as emoções têm o poder de motivar a vida ou a destruição do ser humano. E o estresse é um motivador que leva a várias doenças físicas.

Um exemplo são alguns problemas de pele. Estudos têm demonstrado que os surtos de psoríase e eczema aumentam quando a pessoa está estressada. O eczema, aliás, já foi chamado de fervura da pele, e o estresse piora o eczema. Em outras palavras, pessoas que, por algum motivo, não conseguem chorar abertamente, tendem a liberar sua tristeza através da pele, por meio de erupções dolorosas ou desconfortáveis. É como se o corpo dissesse: “Não suporto mais essas emoções estressantes!”.

É preciso estar atento as mensagens corporais. Aprender a “desligar” o estresse, ou a pele poderá “chorar”. Se estiver vivendo num estado de constante pressa e emergência, é possível que a pessoa esteja viciado nos hormônios do estresse.

A raiz do vício no estresse é a necessidade de sentir-se bem, ou, pelo menos, de sentir-se melhor. Pessoas que têm esse vício tornam-se tão obcecadas por satisfazer seu desejo de sentirem-se emocionalmente felizes que acabam ficando anestesiadas (em relação) àquilo que é realmente mais importante para elas.

Coloque em ordem suas prioridades e foque naquilo que realmente deseja e te fará feliz.

Texto baseado em Emoções mortais, de Don Colbert.

Escrito por:

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Compartilhe esse post com seus amigos

Copyright © 2020 Central Gospel Editora. Todos os direitos reservados